novelas   / Jorge Brasil

Nathalia Dill: a dona de todos os pedaços

Fabiana, personagem da atriz em 'A Dona do Pedaço' vai entrar para a história

Jorge Luiz Brasil Publicado sábado 23 novembro, 2019

Fabiana, personagem da atriz em 'A Dona do Pedaço' vai entrar para a história
Fabiana benzendo a fábrica na saída: icônica - Divulgação Globo

Justiça seja feita! A Dona do Pedaço tem muitos problemas, principalmente, em várias histórias que não deram liga ou foram baseadas em estruturas muito frágeis. Mas se a novela teve algo de bom foram seus personagens. Walcyr Carrasco é mestre na arte de criar tipos cheios de conflito e em sua atual trama tem alguns que já entraram para a galeria dos inesquecíveis de nossa telinha. Entre eles estão: Maria da Paz (Juliana Paes), Josiane (Agatha Moreira), Vivi Guedes (Paolla Oliveira), Chiclete (Sergio Guizé), Agno (Malvino Salvador), Britney (Glamour Garcia)... Mas a melhor deles é Fabiana. Interpretada por uma Nathalia Dill em estado de graça, a personagem é a pedra fundamental do deboche. Criada num convento, como adora repetir na história, Fabiana não aprendeu nada com as freiras. Acumulou mágoas e inveja dentro do seu coração até ele se tornar uma pedra. É capaz de cometer as piores maldades, com a carinha de anjo, e ainda chega ao cúmulo de verbalizar: “eu te perdoo!”, sempre que alguém reage com fúria aos seus absurdos.

Sonsa, dissimulada e muito ambiciosa, Fabiana não demonstra ter nenhum sentimento pela irmã, Vivi, mas quase se rendeu ao apelo da tia, Maria da Paz, quando ela acenou com uma trégua. Só que a ganância falou mais alto. Rock (Caio Castro) foi o único que conseguiu mexer com as estruturas da ex-noviça, mas ela não soube aproveitar disso para mudar. Apesar de Josiane ter sido a mais cruel da vilãs da novela, foi Fabiana quem interferiu com a vida de mais personagens. Prejudicou a própria irmã, ao se unir a Camilo (Lee Taylor), passou a perna em Agno, acabou com o casamento de Otávio (José de Abreu) e Beatriz (Natália do Vale), armou para afastar Rock de Joana (Bruna Hamu), fez de tudo para prejudicar Maria da Paz e deixou Jô na miséria. Ou seja: nenhum núcleo ficou impune à sua maldade. Na semana final da novela, Fabiana foi castigada. Voltou para o convento sem um tostão, azucrinou as freiras até receber o chamado de Rael (Rafael Queiroz) para cumprir a missão a qual estava destinada desde o começo: se tornar matadora profissional. Ao lado do parceiro amante Fabiana executa os serviços, mas depois de abater sua vitima reza. Um final irônico e apoteótico para uma personagem inesquecível. Viva Nathalia Dill!

 

Último acesso: 13 Jul 2020 - 09:13:56 (1051574).