Publicidade

Após ser expulsa de bar por homofobia e agressão, ex-BBB se pronuncia: ‘Não ofendi ninguém’

A participante do BBB 17 Mayla Araújo se pronunciou após ter sido expulsa de um bar de São Paulo por agressão e homofobia

Mayla Araújo - Reprodução/Instagram
Mayla Araújo – Reprodução/Instagram

Na última quinta-feira (30/11), a participante do BBB 17 Mayla Araújo se pronunciou após ter sido expulsa de um bar de São Paulo por agressão e homofobia. A irmã gêmea de Emilly pôs a culpa de seu estresse no álcool.

Publicidade

“Eu fui tratada com desdém e grosseria no estabelecimento em que estava, e reagi mal a isso porque estava alcoolizada. Jamais falaria dessa forma com qualquer pessoa sóbria, mas não humilhei e nem ofendi ninguém”, começou.

“Deixo claro que não compactuo com nenhum tipo de violência ou preconceito, inclusive repudio isso. Dito isso, espero que parem de compartilhar coisas sensacionalistas e fora de contexto. Obrigada”, finalizou a ex-sister.

Na ocasião em questão, ela foi vista gritando com os funcionários de um bar na região da Avenida Paulista. Além disso, pessoas presentes afirmaram que ela chamou um barman de “viadinho”.

Veja:

Publicidade

Publicidade